Ensaios de Santidade

10.00

Miguel Bonneville

Abraçar o desastre como ferramenta imprevisível da transformação interior. A santidade como destabilizador social e vertigem íntima. Aproximação ao outro pela queda.

“nós acariciamos-lhe os cabelos
comovidos com o fogo
não é isso o amor?”

  
Descrição

Imagens de João Ferro Martins
Composição e Paginação de Catarina Domingues
Sr. Teste Edições, Setembro de 2021

Categoria: Etiquetas: ,