Ilíada – Homero

16.00

A Ilíada é o primeiro livro da literatura europeia e, sob certo ponto de vista, nenhum outro livro que se lhe tenha seguido conseguiu superá-lo – nem mesmo a Odisseia. Lida hoje, no século XXI depois de Cristo, a Ilíada mantém inalterada a sua capacidade esmagadora de comover e perturbar. As civilizações passam, mas a cultura sobrevive? É nesse sentido que parece apontar a mensagem deste extraordinário poema. Ler a Ilíada é reclamarmos o lugar que por herança nos cabe no processo de transmissão da cultura ocidental: cada novo leitor acrescenta mais uma etapa, ele mesmo um novo elo.

Frederico Lourenço é romancista e docente da Faculdade de Letras de Lisboa. É autor da Grécia Revisitada: Ensaios sobre Cultura Grega. Em 2003 publica a sua tradução da Odisseia homérica, que conta já com cinco edições, e recebi o Prémio D. Diniz da Casa de Mateus e o Grande Prémio de Tradução do Pen Clube Português e da Associação Portuguesa de Tradutores.

Esgotado

Descrição

Ilíada
Homero

Tradução de Frederico Lourenço
Cotovia, Março de 2005