A Memória e a Mão

11.00

Edmond Jabès

Este precioso expressa a cada palavra, a cada gesto, a cada página a relação entre estes dois elementos humanos: a mão que cria e molda a memória; a memória que sublinha o gesto e movimento da mão.
O corpo da revelação manifesta-se, o mistério aprofunda-se, sem justificação.

“Tantas lágrimas numa mão
Para dar de beber à morte”

 

 

2 em stock

  
Descrição

Tradução de Ricardo Ribeiro
Desenhos de Isabel Baraona
Composição e Paginação de Catarina Domingues
Sr. Teste Edições, Agosto de 2021
54 págs.

Categoria: Etiquetas: ,